Refugiado sírio é sucesso no Youtube

Firas Alshater é o mais recente sucesso do Youtube na Alemanha. Podia ser mais um alemão a viver em Berlim, mas Firas é um refugiado sírio.

De Alepo, a maior e mais povoada cidade síria, chegou à capital alemã numa altura em que a situação entre os rebeldes e os apoiantes do governo de Bashar Al-Assad se intensificava.

O sírio, de 26 anos, é realizador de cinema e foi graças ao projeto “Inside Syria”, uma mistura de documentário e comédia com uma boa dose de humor negro, que conheceu January Heilig, o companheiro alemão que ajudaria Firas a conseguir asilo na Alemanha.

Aprendeu a língua e agora trabalha na companhia de produção de Heilig.

Dois anos e meio depois da chegada a Berlim, o sírio sentiu que era altura de ajudar os outros refugiados a perceberem qual a situação alemã. Serão os alemães aqueles que acreditam que os refugiados estão a destruir o país e que se não se adaptarem devem abandonar o local que os acolheu? Ou serão aqueles com cartazes que “gritam” “Bem-vindos, refugiados”?

“Como são os alemães?” é o mote para o primeiro da série Zukar (Açúcar). Ao longo de três minutos, Firas Alshater explica porque decidiu abandonar a Síria e tenta mostrar qual a posição dos alemães perante a integração. Para isso, fez uma experiência: foi para Alexanderplatz, uma praça aberta e terminal de transportes públicos no centro de Berlim,  com um cartaz que dizia “Sou um refugiado sírio. Eu confio em ti – tu confias em mim? Abraça-me.”

A chegada de abraços por parte das pessoas que cruzavam aquela praça demorou, mas depois do primeiro, muitos outros abraços se seguiram. “Se os alemães começam algo, não o abandonam”, explica Firas.

“Os alemães precisam de mais tempo, mas depois não conseguem parar”, conclui o sírio que acredita que a integração pode demorar, mas é possível.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *